42 fatos que você precisa saber sobre a vida, o universo e tudo mais!

1005633_662416377120152_367269685_n
Douglas Noël Adams (Cambridge, 11 de março de 1952 — Santa Bárbara, 11 de maio de 2001) foi um escritor, comediante, ativista-ambiental, ateu e amante da tecnologia britânico, famoso por ter escrito esquetes para a série televisiva Monty Python’s Flying Circus. Douglas Adams escreveu “O Guia do Mochileiro das Galáxias”, uma trilogia em cinco partes, que são: “O Guia do Mochileiro das Galáxias”, “O Restaurante no fim do universo”, “A Vida, o Universo e Tudo Mais”, “Até mais, e obrigado pelos peixes” e “Praticamente inofensiva”. Leia e divirta-se  Os cinco livros trazem um humor escrachado e nonsense, no qual o autor usa situações hilárias e bizarras para ironizar a política, a burocracia, as pessoas e suas manias, basicamente a vida, o universo e tudo mais.
Veja agora 42 FATOS QUE VOCÊ PRECISA SABER SOBRE A VIDA, O UNIVERSO E TUDO MAIS, caso você queira se aventurar como um Mochileiro das Galáxias!

1. Não entre em panico.
2. A história de todas as grandes civilizações tende a atravessar três fases distintas: a da Sobrevivência, a da interrogação e a da Sofisticação. A Sobrevivência pode ser caracterizada pela pergunta: “Como vamos poder comer?”; a interrogação, pela pergunta: “Por que comemos?” e A Sofisticação, pela pergunta: “Aonde vamos almoçar?”.

3. Classificado com um dos dez instrumentos mais irritantes, o violino foi banido de todos os mundos civilizados em todas as galáxias.

4.  O livro, O Guia do Mochileiro das Galáxias foi publicado pela primeira vez em 1979 e até hoje foi traduzido para mais de vinte idiomas. No total, os livros de Douglas Adams venderam mais de 20 milhões de cópias em todo o mundo.

5. Douglas Adams teve a ideia de escrever o Guia quando estava bêbado jogado em um gramado com um guia do mochileiro da Europa nas mãos.

6. Uma toalha é o objeto de maior utilidade que um mochileiro interestelar pode possuir. Uma toalha molhada é uma ótima arma no combate corpo-a-corpo.

7. 7×6 = 42

8. O efeito de beber a Dinamite Pangaláctica é o de ter o cérebro esmagado por uma fatia de limão embrulhada em uma enorme barra de ouro. Zaphod Beeblebrox o criou.

9.  Douglas Adams aparece no episodio 42 de Monty Python’s Flying Circus (VEJA IMAGEM). Ele também co-escreveu esquetes da serie.

10.  Os golfinhos são a segunda espécie mais inteligente da Terra. Toda aquela brincadeira na água é só uma fachada.

11. O mundo foi apresentado ao Guia do Mochileiro das Galáxias em março de 1978. Uma série de rádio de 6 partes foi transmitida pela rádio BBC.

12. O homem é a terceira espécie mais inteligente do planeta Terra.

13. É universalmente aceito que convidar Zaphod Beeblebrox para uma festa resultará em móveis permanentemente quebrados.

14. O Guia é a historia mais nonsense já escrita pela mãos de uma criatura racional. Ou é em definitivo, em casos de total discrepância, a realidade que não pegou o jeito da coisa.

15. A probabilidade de ser salvo por uma espaçonave durante o período de 30 segundos no espaço no qual se é capaz de sobreviver, é da ordem de 2 elevado a 276.709 para 1.

16. Se um dia alguém descobrir para que serve o universo e por que ele está aqui, ele desaparecerá instantaneamente e algo ainda mais estranho e improvável o substituirá.

17. A Terrível Besta Voraz de Traal é a criatura mais desvairadamente idiota que existe, ela supõe que se você não pode vê-la, ela também não pode ver você — estúpida como um porta, mas muito voraz.

18. Antes de escrever O Guia do Mochileiro da Galáxia, Douglas Adams trabalhou como editor de roteiro em Doctor Who e escreveu três episódios para a serie sendo um sobre o pseudônimo de David Agnew. Entre outras funções em que trabalhou estão: guarda-costas, construtor de cocheira, porteiro de hospital e limpador de chiqueiros.

19. Douglas Adams batizou o o álbum The Division Bell, do Pink Floyd. Ultimo album da banda.

20. O tempo é uma ilusão, a hora do almoço é duplamente ilusão.

21. Com QI de 161612, Marvin, o Andróide, é 30 bilhões de vezes mais inteligente do que um colchão.

22. A adaptação para televisão de O Guia do Mochileiro das Galáxias foi exibida pela primeira vez em janeiro de 1981.

23.  Beber cerveja e comer amendoim ajuda a eliminar os efeitos adversos das viagens espaciais.

24. O nariz de Douglas Adams foi usado como modelo para a parte externa do templo de Humma Kavula.

25. O Pensador Profundo é o segundo computador mais poderoso já criado.

26. Tudo que realmente sabemos sobre o universo é que ele é mais complicado do que pensamos.

27. A poesia Vogon é considerada a terceira pior do universo. Podendo te matar ao ouvi-la.

28. Ford Prefect e Zaphod Beeblebrox são semiprimos. Eles têm em comum três das mesmas mães. Seja lá o que isso signifique.

29. foram necessários quatro meses para o artista fazer a pintura que decora o nariz-cone da nave Coração de Ouro. Ela nunca será vista de perto no filme. É o nariz de Douglas Adams.

30. Viagens no tempo são complicadas, pois você pode acabar se tornando seu próprio avô ou avó.

31. Ao se deparar com formas de vida alienígena em um planeta desconhecido o melhor a fazer é preparar uma boa xícara de chá.

32. Se o Guia do Mochileiro das Galáxias fosse impresso como um livro tradicional seriam necessários vários prédios grandes para guardá-lo.

33. Zaphod Beeblebrox foi eleito a Criatura Racional Mais Mal-vestida de Todo o Universo por 7 anos consecutivos.

34. A razão de o Guia do Mochileiro das Galáxias ser o livro de maior sucesso da galáxia é, em primeiro lugar, por ser menor e ligeiramente mais barato do que a Enciclopédia Galáctica e, em segundo lugar, por trazer a frase “Não Entre em Pânico” em letras garrafais e amigáveis escrita na capa.

35. O sensormático subeta é um aparelhinho preto que alerta os mochileiros sobre a passagem de uma aeronave.

36. Foram necessários 27 anos para que O Guia do Mochileiro das Galáxias chegasse ao cinema. As filmagens finalmente começaram nos estúdios da Elstreet, na Inglaterra, em 19 de abril de 2004.

37. O Guia do Mochileiro das Galáxias já foi série de rádio, livro, peça de teatro, minissérie de televisão, revista em quadrinhos, livro ilustrado, jogo de computador, vencedor do BAFTA e uma toalha. tudo isso quase que simultaneamente.

38. Ford Prefect passou 15 anos na Terra fingindo ser um ator desempregado.

39. A nave Coração de Ouro tem 150 metros de comprimento e o formato de um globo. O cenário da nave do filme foi iluminado com mais de 3.000 lâmpadas; cada uma delas colocada à mão.

40. Devido a circunstâncias estranhas envolvendo viagem no tempo, Marvin, o Andróide, é 37 vezes mais velho do que o próprio universo.

41. Simon Jones, o Arthur Dent original do rádio e da série de TV faz uma pequena participação no filme (traga seus óculos 3-D).

42. 42 É a resposta à questão fundamental sobre a Vida, o Universo e Tudo o Mais.

Anúncios

Publicado em 26 de outubro de 2013, em Outros e marcado como , , , , , . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Manuscritos Coletivos

O fantástico mundo dos livros esta aqui

Autores e Livros

Entrevistas, resenhas e afins

blogdabn

Blog oficial da Fundação Biblioteca Nacional - entidade governamental

%d blogueiros gostam disto: