Manuscritos de Notícias: Projeto Mais Leitura vende livros de gêneros variados a R$ 2,00

Com o objetivo de democratizar o acesso à leitura, o Rio Poupa Tempo – Programa de Atendimento ao Cidadão e ao Empresário do Governo do Estado do Rio de Janeiro, coordenado pela Junta Comercial – desenvolve o projeto Mais Leitura, que vende livros de variados gêneros por apenas R$ 2.

Como o Rio Poupa Tempo reúne cerca de 400 serviços e é frequentado, diariamente, por milhares de pessoas, a divulgação intensa e o estande, que fica à mostra, atrai milhares de pessoas curiosas para conhecerem o ambiente ou comprarem um livro de tema interessante.

O estudante de Biologia, Paulo Genesis, 20 anos, estava no Rio Poupa Tempo retirando documentos quando recebeu um panfleto do projeto Mais Leitura. Como estava com tempo livre, ele foi conhecer a livraria. “Os livros são bem diversificados. Tem até história do Brasil, literatura e sociologia. Achei bem interessante, pois leva cultura às pessoas de todas as classes sociais”.

O projeto, que tem como slogan ‘Dentro de um livro, a gente encontra mais que histórias. Encontra cidadania’, conta com 3 unidades fixas (em São João de Meriti, na Baixada Fluminense; em Bangu, na zona oeste; e em São Gonçalo, região metropolitana da capital), e quem aguarda o atendimento nas unidades do Rio Poupa Tempo pode aproveitar o tempo de espera para conhecer a livraria. “As unidades vendem os livros por R$ 2 ou R$ 3, com média de 500 livros vendidos por dia em cada unidade”, informou à Agência Brasil o diretor-presidente da Imprensa Oficial do estado, Haroldo Zager.

Silvia Rosa, 37, soube pelo folheto da existência do estande, que a deixou animada, já que sempre gostou de ler, mas não paga caro em livros. “O preço de R$ 2 democratiza a leitura, que fica acessível a todos. O empecilho que encontrei foi a quantidade limitada a duas unidades por pessoa, mas isso não tem muito problema, já que eu não leio vários livros de uma só vez”, comentou.  Na avaliação do diretor-presidente da Imprensa Oficial, a iniciativa quebra o mito de que brasileiro não gosta de ler. “O brasileiro adora ler. Só não tinha condições de comprar o livro a R$ 40 ou R$ 50. Você bota livro a R$ 2 e R$ 3 e o pessoal comparece.”

Os livros são publicados por 40 editoras, parceiras do projeto, entre as quais a Record, a Rocco e a Objetiva. “Eles também ingressaram no projeto de levar livros a preços populares para a população. São livros de todos os assuntos. Você tem livros didáticos, paradidáticos, romance, literatura nacional e internacional. Você vê pessoas fazendo fila para comprar livros. É um projeto que nos orgulha muito de poder prestar esse serviço à população”, disse Haroldo Zager.

O Projeto Mais Leitura tem também com uma carreta itinerante, com capacidade para 10 mil livros, que vai percorrer todos os 92 municípios fluminenses. A gerente do projeto, Thaís Carvalho, adiantou que uma próxima unidade deverá ser aberta em Niterói.

Apesar de ter livros como clássicos da literatura, economia, história, ficção, policial, biografias e autoajuda, os infantis são os mais procurados.

Anúncios

Publicado em 16 de outubro de 2013, em Manuscritos de Notícias. Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Manuscritos Coletivos

O fantástico mundo dos livros esta aqui

Autores e Livros

Entrevistas, resenhas e afins

blogdabn

Blog oficial da Fundação Biblioteca Nacional - entidade governamental

%d blogueiros gostam disto: