Princesa Girassol

girassol (2)

Vida, ó vida, como pode ser comigo tão cruel?
Como pode fazer-me te amar
E não poder te ter da forma que quero?
Da forma que sempre desejei,
a partir do momento em que me apaixonei?

Como consegue impor esse seu amor para mim,
de uma forma tão delicada, porém dolorosa,
devido a saudade que esse mesmo me causa?
Esse amor, que me ataca como o perfume de uma rosa.

Mas não peço que pare, não.
Pode ser masoquismo de minha parte, sim,
mas aceito essa dor da saudade
pois sei que o amor me trará a felicidade.

Mais especificamente, o amor por ti, ó vida,
que me tortura dia e noite sem dó,
com essa presença abstrata que me atormenta,
e essa sua ausência física que me dá um nó,

Mas ao mesmo tempo faz-me sentir feliz e amado,
Voando pelo céu, como um ser alado.
Sem rumo e sem parar,
voo para além das nuvens te encontrar.

Não pare nunca, eu te imploro,
pois sem seu amor, eu choro
Seu amor, minha vida, faz-me viver,
faz-me ser feliz, e faz-me te querer.

Doente eu sou,
visto que dependo de seu amor.
Levo-o para onde vou,
pois o amor prende-se a mim com furor.

Seu amor é a ignição para a saudade,
sem mais nem menos, eu digo.
E a mais pura verdade,
é que te amar é um perigo.

Pois se cessastes este amor,
Tu podes ter certeza
morrerei em plena dor,
sem ódio, apenas tristeza.

Seu amor me aquece,
como os raios de sol.
Ah se você soubesse,
que te espero, princesa girassol.

Esse amor que faz minha alma brilhar,
brilhar tanto, que ofusca a escuridão
que existe dentro do meu coração,
e faz meu corpo vibrar.

Te amo, e como não?
Minha vida sem você,
cai em extrema perdição.
E pode escrever essas letras em seu coração,
para sempre seremos felizes,
porque na luz, não entra escuridão.

De Hugo Mendes.
Para a Princesa Girassol.

images (6)

Anúncios

Sobre hmstark

Lute contra os mais fortes, pois se lutar contra os mais fracos, além de covarde, você nunca evoluirá.

Publicado em 25 de agosto de 2013, em Poesias. Adicione o link aos favoritos. 14 Comentários.

  1. Sem palavras cara… sem palavras
    Muuito boa

  2. Cara ficou lindo, mto bom mesmo!! 😀

  3. Poesia muito boa… Já vi que, daqui a um tempo, Caio Fernando Abreu será deixado de lado e começará a aparecer seu nome, no Facebook… xD
    Como diria o “Evangelion”, na sua dublagem portuguesa,
    – “Parabains.”

    Deixando as brincadeiras de lado, continue assim. Está no caminho certo. 😀

    • Po que honra heein kkk….
      valeu cara, é ótimo ter alguém reconheçendo seu trabalho… acompanhe o blog… em breve postaremos videos e poemas, resenhas, histórias, Hq’s e tudo mais 😀

  4. Po ficou bein legal ein! Parabens!! 🙂

    • obrigado… Fico lisonjeado rs… Acompanhe o blog, temos várias histórias, e em breve postaremos vídeos falando sobre livros, games, animes, HQ’s e tudo mais 😀

  5. Que incrível! Linda a poesia *-*

  6. Ficou perfeitão cara, como sempre de parabéns! :3

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Manuscritos Coletivos

O fantástico mundo dos livros esta aqui

Autores e Livros

Entrevistas, resenhas e afins

blogdabn

Blog oficial da Fundação Biblioteca Nacional - entidade governamental

%d blogueiros gostam disto: