Capítulo 2: Bem vindo a Academia Lanseal

Logo depois da entrega do convite, Ragna ainda com um sorriso no rosto, não acreditando no que tinha acontecido foi correndo até o cemitério onde todas as ocasiões importante eram contadas a duas pessoas especiais.

– Academia Lanseal, o lugar onde os maiores soldados que já existiram na FAS foram treinados, muitos fariam enormes sacrifícios para entrar nessa academia, agora eu, um simples menino do setor 13, um simples garoto que ninguém ao menos imaginaria que conseguiria entrar estou não só representando meu setor, não só representando minha família. Mas agora irei representar o meu país.
Após isso, Ragna sai da frente do túmulo de seu pai e seu irmão e vai direto para casa, para avisar sua mãe, chegando lá, avistando ela fazendo sua comida ele dá a notícia, a mesma fica emocionada, orgulhosa, com os olhos lacrimejando e abraçando seu filho. Ele vai ao seu quarto e começa a fazer as malas, sua mãe aparece no quarto com uma expressão meio triste.

-Ragna….

Vendo a expressão triste, se preocupa.

– O que houve?

-Nada… só me prometa uma coisa;( nesse exato momento, sua mãe o abraça); eu já perdi seu pai e seus irmão……. por favor, não me faça chorar novamente

– Tudo bem mãe, eu prometo que vou sobreviver e irei ser o maior soldado que já existiu.
Sua mãe rindo, ela meche no cabelo de Ragna e o ajuda a arrumar sua mala

– Quero que vá bem arrumado…

No dia seguinte Ragna levanta bem cedo e põe uma roupa que era de seu irmão quando estudava na academia, uma calça preta, uma blusa de botão branca e um jaleco preto com o símbolo da academia, e uma gravata vermelha. Ele junto a mãe vai a estação, e antes do trem partir ela dá um abraço em seu filho por alguns minutos.

– Se cuide..

Ele entra no trem e lá encontra o General que lhe deu a carta, porém não consegue falar com ele pois mandam-lhe sentar em seu assento para que o trem possa partir, fazendo isso ele olha sua mãe e aos poucos ele se distancia com a partida do trem.

Ele começa a olhar a paisagem e cai no sono, quando acorda ouve.

– Última chamada, Setor 3, Academia Lanseal

Ragna acorda desesperado já pegando sua bolsa mas não esquecendo da carta, e saindo da estação a caminho da Academia, vê uma grande entrada com 4 soldados tomando conta do portão principal, um enorme muro cercando toda a academia, porem acima dos muros dá para ver algumas estruturas como se fosse torres, chegando perto da entrada entra em uma pequena fila com 5 pessoas.
Uma de cada vez apresenta um tipo de certificado comprovando que seu setor o liberou, na vez de Ragna o soldado pede seu certificado.

– Senhor… eu não tenho nenhum tipo de certificado

O Soldado fica impaciente.

– O que veio então fazer aqui? Veio contar alguma piada?

– Na….não senhor. Eu só tenho essa carta

Nesse exato momento um homem aparece

– Fui eu que dei o convite para o garoto, seu superior. E pelo o que vejo, você que é a piada aqui.

O General falando com o soldado, pede para que o menino o acompanhe, ao passar pelo portão Ragna se surpreende com o que vê, uma cidade enorme com casas, ruas, pessoas treinando, vivendo dentro da Academia que não é só um tipo de escola, mas sim um tipo de cidade. Acompanhando Bradford e passando por vários lugares.

– Pelo o que você vê não é só um lugar de treinamento, é um local para se morar também mas não quero que vire somente um soldado, aliás além de lutar ao lado do seu irmão você salvou minha vida, algo em comum que ambos fizeram… Irei fazer uma pergunta. Quer ser igual ao seu irmão?
O menino além de maravilhado com o local, se surpreende com a pergunta.

-Quero supera-lo senhor, mas não entendi muito bem a pergunta

– (dando um curto sorriso) Sabe… seu irmão não era somente um simples soldado, ele era especial, tinha habilidades que poucos tinham…

– Como assim?

– A academia Lanseal não é só um local de treinamento para soldados normais, aqui treinamos soldados especiais, pessoas que receberam o soro.

– Soro… ?

– Sim, talvez não saiba mas a algum tempo foi criado um modo de ter um super soldado, foi criado um soro que dava as pessoas habilidades fora do normal, seu irmão era um desses soldados o melhor que já vi. O soro que ele recebeu foi o mais novo, chamado de Adam, porem são poucas pessoas que podem receber isso, até porque só damos aos que chamamos de confiáveis, os melhores, aqueles que vão comandar tropas, garoto, olho para você e vejo que tem a mesma vontade que seu irmão tinha de lutar por isso estou lhe perguntando. Quer superar seu irmão?

Ragna se surpreende ao saber disso, porem ao pensar um pouco aceita, Bradford o leva para um tipo de zona especial dentro da Lanseal, o local é um pouco parecido com o que já foi visto, porem todos os lugares tem o símbolo da Lanseal dourada. Ele vai em um tipo de laboratório, porem Bradford para em uma grande sala com alguns cientistas, Ragna não deixa transparecer mas está com medo, uma cientista o leva até uma cadeira no centro da sala, então após sentar, um cientista pega uma injeção e no braço esquerdo do menino injeta o soro. Ragna após receber o soro adormece.
Após acordar em uma cama de hospital com somente uma enfermeira arrumando o local, Bradford entra no quarto

– Até que enfim acordou, ficou 2 dias assim

– 2 Dias !!!!!!!

– Sim, vamos! temos que treinar as turmas vão estar prontas amanhã, precisa descobri sua habilidade e aperfeiçoa-la

– Amanha !!!!!!!

Bradford joga um uniforme que o irmão de Ragna usava. Porém Ragna não se sente fraco e acompanha Bradford até um local fora do hospital, uma parte da academia que é aberta, ampla.

-Vamos ver o que tem, corra se não atiro em você

Bradford sacando sua arma Ragna começa a correr porem sem nenhuma alteração, após isso Ragna é mandado parar de correr, Bradford fica pensativo

– Vamos… me ataque

Ragna vai até Bradford para soca-lo, e nada acontece, ele fica desviando dos golpes de Ragna e o mesmo se cansa de golpear e fica parado descansando

– Vamos! não quer superar seu irmão? É assim que não quer morrer em batalha? Pelo visto sua mãe não o verá novamente. Vamos! Me golpeie!

Ragna fica com raiva pelas coisa que Bradford disse, e corre em direção a ele para soca-lo porem quando isso acontece sua mão fica com uma aura vermelha como fogo, Bradford olha e quando Ragna dá um pulo para coca-lo de cima para baixo rapidamente Bradford some e reaparece longe de Ragna, porem o soco do mesmo quando toca ao chão causa um grande impacto, Bradford que estava atrás de Ragna a uma distância razoável, anda em direção a ele batendo palmas

– Parabéns, sua aura é derivada do fogo, tem até amanhã para aperfeiçoa-la, aliás mesmo não estando em seu 100% pois já levantou do hospital e vindo
treinar mostra que sua resistência é muito alta

Ragna cansado depois de utilizar o golpe e ao mesmo tempo surpreso com o que fez, olhando sua mão que aos poucos a energia vermelha vai sumindo

– Você disse Aura? Como assim?

– Seu poder, sua fonte de energia, chamamos de Aura, cada pessoa tem uma diferente, dificilmente vimos auras iguais, e a sua é derivada do fogo se treinar mais poderá ficar mais forte, aliás você só tem até amanhã para aperfeiçoa-la (dando uma singela risada e mechando no cabelo) eu já te inscrevi para as turmas especiais haha

– o que !!! amanha !!?

-sim… descanse um pouco e depois volte ao seu treinamento, amanhã irá começar sua jornada

Ragna dá um riso e fazendo um gesto positivo com a cabeça fica descansando um pouco para depois voltar a treinar.

– Irmão… Mãe…. farei terem orgulho de mim..

Anúncios

Publicado em 25 de junho de 2013, em Genesis. Adicione o link aos favoritos. 1 comentário.

  1. Muito bom thiago 😉

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Manuscritos Coletivos

O fantástico mundo dos livros esta aqui

Autores e Livros

Entrevistas, resenhas e afins

blogdabn

Blog oficial da Fundação Biblioteca Nacional - entidade governamental

%d blogueiros gostam disto: